Município optou por financiar pequenas obras garantindo emprego em Angra do Heroísmo

O candidato do PS à Câmara Municipal de Angra do Heroísmo referiu ontem que, durante o atual mandato, a edilidade, “em vez de fazer grandes obras, optou por financiar obras de pequena dimensão em todas as freguesias”, potenciando, assim, o emprego local. 

“Chegámos a ter 80 obras a decorrer em simultâneo, todas feitas pelos mestres das nossas freguesias e pelas pequenas empresas locais”, afirmou Álamo Meneses, no final de uma visita à Agência para a Qualificação, Emprego e Trabalho de Angra do Heroísmo, com a finalidade de se inteirar dos números exatos da ocupação laboral no concelho, nos anos do mandato que agora termina.

A par disso, o candidato e atual autarca sublinhou que a Câmara “manteve um programa ocupacional muito intenso”, chegando a ter “280 pessoas a trabalhar nesses programas, que presentemente e felizmente, aproxima-se das 100, porque as pessoas entretanto foram encontrando emprego”.

Segundo Álamo Meneses, os dados de que tomou conhecimento durante esta visita “são a manifestação do êxito desta estratégia”.

 

 

 

 

Foto: PS Terceira

PS Terceira/+central

 

Link permanente para este artigo: https://maiscentral.com.pt/municipio-optou-por-financiar-pequenas-obras-garantindo-emprego-em-angra-do-heroismo/