Município exige esclarecimentos sobre projeto RISE e reposição de voos Lisboa/Horta/Lisboa

A Câmara Municipal da Horta deliberou hoje, em reunião do executivo, a reposição das 14 ligações semanais diretas na rota Lisboa/Horta/Lisboa, na operação verão IATA, e quer esclarecimentos sobre a implementação do projeto RISE no aeroporto do Faial.

A deliberação apresentada pelo presidente do município, José Leonardo Silva, foi aprovada por unanimidade e tomada na sequência da apresentação de um voto de protesto por parte dos vereadores do PSD que protestava contra as declarações proferidas, em novembro, pelo presidente da SATA a respeito da rota operada por aquela companhia.

Em reunião de Câmara, o edil propôs “uma tomada de posição firme” que “não se limite a protestar”, como era intenção do voto, mas que “assuma o reforço da reivindicação dos faialenses perante aquela companhia no aumento da frequência nas ligações com Lisboa, durante os meses de Verão, contrariamente ao que se encontra publicado”.

A deliberação exige, igualmente, esclarecimentos sobre a implementação do projeto RISE no aeroporto da Horta, no sentido de ultrapassar dificuldades imediatas ao nível da operacionalidade naquele aeroporto, assim como um maior cuidado na política promocional da rota.

A Câmara Municipal lamentou, ainda, as referidas declarações, por considerar que estas “não têm correspondência na realidade transmitida pelos números oficiais” em linha com a mesma posição já assumida, por unanimidade, na Assembleia Municipal da Horta.

A deliberação será agora remetida à Azores Airlines, ao Governo Regional dos Açores e às forças vivas do concelho da Horta.

 

 

 

 

 

Foto: Direitos Reservados

GC CMH/+central

 

Link permanente para este artigo: https://maiscentral.com.pt/municipio-exige-esclarecimentos-sobre-projeto-rise-e-reposicao-de-voos-lisboahortalisboa/