Inicio das low cost não aumentou números do Turismo na ilha Terceira

Segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) referentes a janeiro de 2017, e apesar do início da operação das viagens de baixo custo (low cost) no mês de dezembro, o Turismo na ilha Terceira teve um decréscimo de 20,5%, em relação ao mês homólogo do ano anterior.

A juntar à Terceira, também a Graciosa, São Jorge e o Pico apresentaram variações homólogas negativas acumuladas de 7,6%, 3,5% e 1,4%, respetivamente.

Em sentido inverso, as ilhas que registaram variações homólogas positivas foram o Corvo, São Miguel, Faial, Flores e Santa Maria com 180,6%, 11,3%, 7,6%, 3,6% e 2,1%, respetivamente.

Nos Açores, os estabelecimentos hoteleiros registaram 58,4 mil dormidas, um acréscimo homólogo de 2,2%, sendo que 67,7% do total das dormidas concentrou-se em São Miguel seguindo-se a Terceira com 19,4% (11,3 mil dormidas) e o Faial com 4,2% (2,5 mil dormidas).

Em relação ao total de proveitos foram atingidos 2,4 milhões de euros e os proveitos de aposento resultaram em 1,7 milhões de euros.

 

 

 

 

Foto: Direitos Reservados

+central

 

Link permanente para este artigo: https://maiscentral.com.pt/inicio-das-low-cost-nao-aumentou-numeros-do-turismo-na-ilha-terceira/