Governo afirma que, apesar das obras, visitas às Termas do Carapacho aumentaram

O Governo dos Açores informou que, mesmo em obras, as Termas do Carapacho, na ilha Graciosa, registaram aumentos de visitantes, quer no último trimestre de 2016, quer no primeiro trimestre de 2017.

Em resposta a um requerimento apresentado pelo grupo parlamentar do PSD/Açores, o executivo açoriano revela que “o número de visitantes no último trimestre de 2016 registou um aumento homólogo de 35%” e no primeiro trimestre de 2017 “um crescimento de 10%”.

O Governo Regional realça que tal “demonstra a capacidade de articulação da equipa de gestão das Termas” e considera um facto daquela unidade continuar a constituir-se como “um pólo de atração turística para a ilha Graciosa”.

Recorde-se que em setembro de 2016, foi dado início a uma intervenção, permitindo que as Termas do Carapacho recuperassem a totalidade da sua oferta de serviços, embora sem nunca suspender a sua atividade, permanecendo ininterruptamente abertas.

O executivo regional refere ainda que as Termas do Carapacho “fazem parte da estratégia de promoção integrada do Destino Açores, no âmbito do PEMTA – Plano Estratégico e de Marketing Turístico dos Açores, como destino único de natureza, do qual o Termalismo é parte integrante, como produto turístico complementar aos produtos prioritários, sendo que na ilha Graciosa o mesmo é considerado uma atração primária englobado no subgrupo do turismo de saúde e bem-estar”.

 

Resposta GRA: Conclusão das obras de recuperação das Termas do Carapacho

 

 

 

Foto: Direitos Reservados

+central

 

Link permanente para este artigo: https://maiscentral.com.pt/governo-afirma-que-apesar-das-obras-visitas-as-termas-do-carapacho-aumentaram/