António Fonseca é candidato da CDU ao município da Praia da Vitória

António Fonseca foi hoje apresentado como o primeiro candidato da Coligação Democrática Unitária (CDU) à Câmara Municipal da Praia da Vitória, nas próximas eleições autárquicas de 1 de outubro.

Consciente da enumeras dificuldades que o concelho da Praia da Vitória atravessa ao nível económico, social e ambiental, o candidato referiu que a CDU “não podia deixar de marcar a sua presença nestas eleições e apresentar as suas posições e ideias que entende serem as mais adequadas neste momento”.

“A Praia está a viver um dos piores momentos da sua história em democracia. A paralisia económica é evidente, o desemprego e a precariedade laboral é acentuado, o empobrecimento das pessoas está evoluir para níveis bastante
preocupantes”, afirmou António Fonseca, na sessão pública de apresentação da candidatura.

No entender do candidato comunista, “é fundamental a aplicação de outras medidas políticas para combater os problemas sociais e do desemprego”, considerando, nesse sentido, que a autarquia “deve utilizar os mecanismos democráticos que tem ao seu dispor para a integração dos trabalhadores em funções na Câmara que se encontram ao abrigo de contratos programa e em situação precária”.

António Fonseca propõe um “Plano Solidário para a saúde e para outras necessidades básicas” — para fazer face às dificuldades económicas sentidas por muitas famílias do concelho — que “contemple o apoio autárquico à aquisição de medicamentos para as pessoas idosas e com carência económica e ajuda financeira a famílias com dificuldades para o pagamento das contas da agua e da eletricidade”.

“Tratam-se de apoios simples mas que contribuem decisivamente para melhorar as condições de vida de muitas centenas de residentes deste concelho”, realçou o candidato.

Sobre a  contaminação que envolve várias áreas ocupadas pelas forças militares dos Estados Unidos, estacionadas nas
Base das Lajes, a CDU pretende “desenvolver todos os esforços para que a situação seja devidamente esclarecida quanto  às áreas afetadas e às medidas necessárias que conduzam ao imediato processo de descontaminação”.

“A autarquia, o governo regional e o governo da república, que terão conhecimento da gravidade da situação, têm o dever de esclarecer as populações sobre os riscos para a saúde pública que este processo encerra bem como das medidas que estão a ser tomadas para a recuperação da qualidade ambiental que os cidadãos deste concelho têm direito”, salientou António Fonseca.

Quanto à desertificação do concelho da Praia da Vitória, esta candidatura entende que crescimento económico do concelho “não se compadece com a sucessiva quebra do número de habitantes, antes pelo contrário, promove ainda mais a
desertificação do meio rural e urbano”.

“Uma política que conduza à fixação das pessoas, nomeadamente os jovens, no concelho é fundamental para o futuro da Praia da Vitória”, destacou António Fonseca, realçando que manterá a sua “política de contato direto com as populações, registando os seus problemas e as sua opiniões”.

“Para nós o que conta são as pessoas”, concluiu.

António Fonseca, de 55 anos, é o responsável pela Organização da Ilha Terceira do PCP, membro da direção da DORAA do PCP e do seu secretariado.

Foi, igualmente, apresentado Bruno Santos como primeiro candidato à Assembleia Municipal da Praia da Vitória.

 

 

 

 

+central

 

Link permanente para este artigo: https://maiscentral.com.pt/antonio-fonseca-e-candidato-da-cdu-ao-municipio-da-praia-da-vitoria/