Trabalhadores da saúde nos Açores aderem à greve nacional a 2 e 3 de maio

Os trabalhadores não pertencentes a carreiras de regime especial que exercem funções nos serviços sob tutela do Ministério da Saúde e do Governo Regional dos Açores, incluindo os hospitais EPE, independentemente da natureza do seu vínculo, cargo, função ou setor de atividade, vão estar em greve nos próximos dias 2 e 3 de maio, como forma de protesto pela crescente degradação das suas condições de trabalho.

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública e de Entidades com Fins Públicos (SINTAP), esta paralisação “procura exigir do Governo a necessidade de rapidamente tomar medidas
e iniciar processos negociais no sentido da resolução de questões que se vêm arrastando e que estão a colocar os trabalhadores da saúde numa situação de discriminação negativa face aos demais trabalhadores da Administração Pública.

Os trabalhadores reivindicam:

  • a aplicação do horário de 35 horas de trabalho semanal a todos os trabalhadores;
  • a progressão na carreira para todos os trabalhadores;
  • a dignificação das carreiras;
  • o reforço de recursos humanos nos respetivos quadros de pessoal dos hospitais EPE;
  • o pagamento das horas de trabalho extraordinário vencidas e não liquidadas;a possibilidade de inscrição na ADSE para todos os trabalhadores;
  • a celebração de acordo coletivo para os trabalhadores com contrato individual de
    trabalho nos hospitais EPE, conferindo-lhes um regime de carreira que promova a
    igualdade face aos demais colegas de serviço;
  • aumentos salariais justos que travem a degradação salarial.

No entender do SINTAP, uma “forte adesão a esta Greve envia um sinal claro e inequívoco ao Governo de que é tempo de resolver, de uma vez por todas, as injustiças que incompreensivelmente continuam a verificar-se nos serviços da saúde”.

 

 

 

 

Foto: Direitos Reservados

SINTAP/+central

 

Link permanente para este artigo: http://maiscentral.com.pt/trabalhadores-da-saude-nos-acores-aderem-a-greve-nacional-a-2-e-3-de-maio/

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.