PCP/Açores quer saber porque terminaram os apoios à exportação de gado vivo

A representação parlamentar do PCP/Açores questionou hoje o Governo Regional, sobre o fim dos apoios à exportação de gado vivo, que apanhou os agricultores de surpresa. A comparticipação dos encargos com o transporte de produtos regionais é uma medida essencial para os agricultores das ilhas mais isoladas, que não têm muitas vezes qualquer possibilidade de escoar os seus produtos no mercado local.

“A opção do Governo Regional de excluir a exportação de animais vivos da espécie bovina da possibilidade de se candidatar a apoios do Programa Competir+ põe em causa a sustentabilidade de um importantíssimo sector da agricultura das ilhas sem abates
regulares para exportação de carcaça, bem como daquelas cujos condicionalismos geográficos impossibilitam um acabamento da maioria dos seus animais abrigando as explorações a recorrer ao escoamento ao invés do abate”, refere João Corvelo em comunicado.

Segundo o parlamentar eleito pela ilha das Flores, esta medida “coloca os produtores de carne numa situação extremamente difícil, especialmente tendo em conta os investimentos que muitos deles já realizaram com a expectativa legítima de serem apoiados”.

Assim, o PCP quer saber que razões explicam a opção do Governo Regional de excluir a exportação de animais vivos da espécie bovina da possibilidade de receberem apoios e se está disponível para rever essa decisão, em face dos prejuízos que causa aos
agricultores.

 

 

 

 

 

GI CDU/+central

 

Link permanente para este artigo: http://maiscentral.com.pt/pcpacores-quer-saber-porque-terminaram-os-apoios-a-exportacao-de-gado-vivo/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.