Parlamento dos Açores favorável à majoração dos apoios sociais aos trabalhadores da COFACO no Pico

A Assembleia Legislativa da região Autónoma dos Açores emitiu um parecer favorável ao Projeto de Resolução que recomenda a majoração dos apoios sociais na ilha do Pico, consequência do encerramento da conserveira COFACO, na Madalena.

A resolução, iniciativa do PCP na Assembleia da República, visa concretamente “recomendar ao Governo que institua um regime especial e transitório de facilitação do acesso, majoração de valor e prolongamento da duração de apoios socais a quem, nos concelhos da Madalena do Pico, Lajes do Pico e São Roque do Pico, na Região Autónoma dos Açores, se encontre em situação de desemprego”.

Como fundamentação da iniciativa, os deputados comunistas sustentam que “o encerramento da Fábrica da COFACO do Pico e o despedimento coletivo dos seus trabalhadores, tem consequências nefastas em todo o mercado de trabalho na ilha do Pico, colocando-a na iminência de uma catástrofe económica e social de grandes proporções e cujos efeitos se agravarão com o aprofundar do círculo vicioso da recessão e do aumento do desemprego a nível local”, acrescentando que “neste contexto, a busca de alternativas e a reconversão económica da ilha do Pico revestem-se, naturalmente, de uma importância prioritária. São por isso importantes e positivas todas as medidas, que reconhecendo a especificidade da situação existente na ilha do Pico, visam atrair investimento e favorecer a criação de emprego, nomeadamente as majorações de apoios, isenções diversas e benefícios fiscais para as empresas”.

No parecer, emitido pela Comissão Parlamentar de Assuntos Sociais, os deputados do PS/Açores consideram como positivo tudo o que forem apoios no sentido de minorar o impacto do encerramento temporário da unidade fabril da COFACO na ilha do Pico. Os social democratas açorianos concordam com as iniciativas que visem dar resposta positiva, aos problemas causados pelo encerramento da unidade da COFACO na ilha. Os parlamentares do CDS-PP/Açores consideram, igualmente, importante todas as iniciativas que visem minimizar o impacto que terá o despedimento dos trabalhadores da unidade fabril da COFACO na ilha do Pico, numa realidade já por si muitas vezes difícil.

 

 

 

 

 

Foto: Direitos Reservados

+central

 

Link permanente para este artigo: http://maiscentral.com.pt/parlamento-dos-acores-favoravel-a-majoracao-dos-apoios-sociais-aos-trabalhadores-da-cofaco-no-pico/

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.