Exportação de gado aumentou 500% em nove anos na ilha de São Jorge

Direitos Reservados

A exportação do gado bovino, através do porto comercial das Velas, em São Jorge, cresceu 500% de 2009 para 2017, de 516 carcaças para 2 715, anunciou hoje o Governo regional.

Na sessão pública de inauguração das obras de reordenamento e ampliação do porto das Velas, o presidente do Governo dos Açores referiu igualmente que foi registado um crescimento de 50% na carga carregada de 2009 para 2017, de 6.800 para 10.000 toneladas, diminuindo as mercadorias descarregadas de 67 para 64 mil, desafiando os empresários, agricultores, indústria e câmaras municipais da ilha para que usem o novo porto comercial das Velas como uma “ferramenta moderna” para gerar mais riqueza e postos de trabalho.

“O desafio está lançado e está aí frente aos empresários, aos agricultores, às indústrias, às câmaras municipais e, naturalmente, também ao Governo: que o novo porto comercial das Velas seja uma ferramenta moderna e eficaz, ao serviço do desenvolvimento de São Jorge”, frisou Vasco Cordeiro.

O governante declarou que as obras de reordenamento e ampliação do Porto das Velas geraram uma “estrutura moderna, funcional e eficiente” que vai servir a população local e a economia da ilha por via do transporte de passageiros e mercadorias.

Vasco Cordeiro recordou que, em 2012, foi construída a rampa ‘roll on/rol off’, projeto orçado em cerca de um milhão de euros, que viabilizou a operação de navios ‘ferry’ no Porto das Velas e introduziu mais comodidade e rapidez no transporte de passageiros e de viaturas, incluindo já alguma carga, nas ilhas do Triângulo (Faial, Pico e São Jorge).

Além daquele projeto, foi construída uma nova gare de passageiros que arrancou em 2018 que introduziu melhorias no conforto e segurança no Porto das Velas, avançando-se agora com a obra de prolongamento do cais comercial em mais 150 metros e a ampliação do terrapleno para 2200 metros.

Lusa/+central

Link permanente para este artigo: http://maiscentral.com.pt/exportacao-de-gado-aumentou-500-em-nove-anos-na-ilha-de-sao-jorge/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.