Eurodeputada do BE questiona acerca dos contratos abusivos a docentes nos Açores

No seguimento das denúncias enviadas pelo Sindicato Democrático dos Professores dos Açores (SPDA), à Comissão Europeia (CE), a euro deputada do Bloco de Esquerda – Marisa Matias – questionou a CE acerca da situação dos docentes contratados, nos Açores.

Marisa Matias, no requerimento com pedido de respostas por escrito, relembra as denúncias anteriores feitas pelo mesmo sindicato e de que passados 3 anos sobre o pedido de esclarecimentos relativos a essas mesmas denúncias, “nada mudou relativamente à situação dos professores desta Região Autónoma”.

A euro deputada refere, também, que passado um ano desde a CE disse, em resposta ao SPDA, que iria proceder a nova análise, não havia qualquer tipo de informação ou esclarecimento.

Desta forma, ao contrário do restante território continental e Região Autónoma da Madeira, que adaptaram a Lei, mantêm-se a violação da Diretiva 1999/70/CE do Conselho, de 28 de junho de 1999, uma vez que, nos Açores não houve, por parte do Governo Regional, essa preocupação, persistindo a utilização abusiva de contratos de trabalho a termo aos professores desta região.

Num requerimento entregue no Parlamento Europeu, Marisa Matias, questiona acerca do desenvolvimento destas denúncias e, ainda, “o que pretende a Comissão Europeia fazer perante esta clara violação da legislação europeia”.

 

 

 

 

Foto: Direitos Reservados

GI BE/+central

 

Link permanente para este artigo: http://maiscentral.com.pt/eurodeputada-do-be-questiona-acerca-dos-contratos-abusivos-a-docentes-nos-acores/

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.