Duarte Freitas entende que disputa da liderança “valoriza” o PSD/Açores

O líder do PSD/Açores considerou hoje que candidaturas à presidência do partido na região, como a anunciada por Pedro Nascimento Cabral, representam uma valorização do partido, que está “vivo, quer mais, é atrativo”.

Questionado sobre o anúncio recente de Pedro Nascimento Cabral, Duarte Freitas referiu aos jornalistas que a candidatura “é bem-vinda”, como o serão todas as de sociais-democratas que queiram disputar a liderança do PSD/Açores.

“Na altura devida vão avançar as candidaturas que entenderem, é sinal de que o partido está vivo, quer mais, é atrativo”, indicou o líder do PSD na região autónoma.

Falando após uma reunião com o presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, o social-democrata José Manuel Bolieiro, Duarte Freitas – de quem é esperada uma nova ida a votos – sublinhou que, sobre uma futura candidatura sua, “já disse o que tinha a dizer na altura própria, nos órgãos próprios”.

E concretizou: “O que estou preocupado [nesta fase] é em fazer cumprir uma moção votada por mais de 70% dos militantes do PSD dos Açores. Essa moção obriga a que eu possa, através do PSD, servir os açorianos através de uma oposição ativa. É nisto que verdadeiramente estou concentrado agora, na altura devido havemos de nos concentrar nas matérias internas”.

O advogado Pedro Nascimento Cabral anunciou na semana passada, em entrevista ao jornal Correio dos Açores, a sua vontade em disputar as eleições do PSD/Açores no sufrágio a realizar este ano.

Contactado pela agência Lusa, o social-democrata frisou que o anúncio formal da candidatura à liderança do PSD/Açores decorrerá em maio.

 

 

 

 

Lusa/+central

 

Link permanente para este artigo: http://maiscentral.com.pt/duarte-freitas-entende-que-disputa-da-lideranca-valoriza-o-psd-acores/

1 comentário

    • José Artur Jacome Correa on 30 Abril, 2018 at 18:34
    • Responder

    Concordo com o Dr.Duarte Freitas.Tem um mandato dos milutantes para dirigir o Partido e até lá deverá fazê-lo com.o máximo empenho e dedicação. Na altura própria, será decidido,quem.poderá vir a ser o seu novo (ou não ) líder. Na certeza,e isto em minha opinião, que o PSD não poderá continuar a navegar, no mar de azeite actual.Muita coisa haverá para mudar.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.