Carta Aberta — Opinião de Elmiro Cabral

elmiroJorgenses

É com muito prazer e alegria que vejo e sinto a mudança nesta terra. É através dos meus olhos e das minhas mãos que vejo e sinto a mudança. Vejo com os meus olhos a insatisfação das pessoas com esta governação e no simples cumprimento de um aperto de mão sinto a sua cumplicidade com o nosso projecto para mudar.

Gostava de poder transmitir quanto gosto da minha terra, a nossa ilha de São Jorge. Não precisava falar daquilo que não foi feito e do que foi mal feito, porque aqueles que o fizeram e que querem fazê-lo outra vez, já o disseram na apresentação da sua lista, num discurso estafado e sem perspectiva de futuro.

Farsa; incumprimento; falta de sensatez; e pior de tudo levar os Açorianos e o povo Jorgense a uma falsa utopia. Chegou a altura de dizer chega! Chegou a altura de nos libertarmos das amarras socialistas! Chegou a altura da mudança!

Os nossos filhos partem…  não há oportunidades para eles, é a verdade! A ilha desfalece. É isto o resultado de 20 anos de socialismo!

Temos investimentos, sim…mas será que a prioridade é a construção do Museu? Enquanto a rampa para o nosso cais continua sem mar à vista! Esperemos que não seja como o Porto de Recreio Náutico da Calheta…prometido pelo PS e que foi esquecido e abandonado. Só se pode dar vida à Calheta criando uma real porta de entrada… A diferença que teria feito a Escola do Mar numa Vila como a Calheta enquanto na Horta é só mais uma coisa para reforçar a centralidade como anunciou o Senhor Vasco Cordeiro no lançamento da primeira pedra…

As Finanças na nossa terra? Temos na Calheta instalações próprias das finanças fechadas e nas Velas em instalações da Câmara Municipal, enquanto as nossas continuam fechadas! E sim foi no governo da coligação o responsável, mas também foi o gabinete de Carlos Cesar a dizer que se pudessem fazer outra coisa fariam. Já lá está a algum tempo na Republica e as Finanças da Calheta continuam fechadas…como escreveu num artigo de opinião, o Sr. deputado socialista pela ilha Graciosa, José Ávila: “Entre o dizer e o fazer vai uma grande diferença”! Pois vai..! Que o digam os jorgenses que assistem a esta azafama pre-eleitoral de lançamento de obras e procedimentos, prometidas HÁ 8 ANOS atrás e que não se sabe quando seriam concluídas com este tipo de governação…

Queremos os nossos jovens aqui? Então vamos criar politicas infraestruturantes. Vamos criar dinâmicas em volta do mar como apoiar um clube naval forte; vamos requalificar a baía; vamos apoiar a cultura e desenvolver o teatro; vamos criar oportunidade e facilidade de negócios e o mais importante garantir que o gosto por esta terra, seja uma possibilidade de vida!

Vamos expandir! Não vamos fazer do mar um limite mas vasto um elo da ilha com o mundo. Vamos dar oportunidade a aqueles que querem fazer e fazer melhor pela nossa ilha!

Há que fazer uma pergunta muito importante nestas eleições! Vamos continuar a alimentar a farsa de que tudo está bem, quando não está? Ou… vamos fazer a diferença votando PSD? Só com o PSD podemos acabar com a farsa e trilhar um caminho de esperança por um futuro melhor para nós, nossos filhos e netos!

Está tudo nas mãos de cada um! O voto e a caneta para fazer a escolha certa. Queremos ser passivos ou ativos? Queremos ser julgados ou ouvidos? Chegou a altura de reagir! Agir!

Vamos todos JUNTOS fazer a diferença! A oportunidade é agora!

Vamos votar PSD!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *