BE exige intervenção do Governo regional na defesa dos moradores do Bairro de Santa Rita

O Bloco de Esquerda quer impedir a concretização de mais despejos no bairro de Santa Rita, na Praia da Vitória, e considera prioridade que sejam encontradas soluções de habitação imediatas para as famílias que já foram obrigadas a sair das suas casas. Paulo Mendes, deputado do BE, apresentou hoje uma proposta que recomenda a intervenção imediata do Governo dos Açores.

O deputado do BE alerta para o grave problema social que esta situação está a gerar, e salienta que estão em causa “99 famílias, cerca 600 pessoas”.

Paulo Mendes reconhece que a solução não é simples, mas não aceita que o Governo regional fique “impávido e sereno” a assistir a esta situação de emergência social. Por isso, o BE vai apresentar a proposta com pedido de urgência, para que até ao plenário de julho sejam ouvidos todos os intervenientes nesta situação: moradores, proprietários e os últimos três presidentes da autarquia da Praia da Vitória.

“Queremos que estas partes sejam ouvidas, para que se dissipem quaisquer dúvidas que têm subsistido sobre este processo”, disse Paulo Mendes.

A prioridade é impedir novos despejos, e encontrar soluções de habitação sem qualquer custo para estas famílias que foram obrigadas a sair das suas próprias casas.

Recorde-se que estão em causa famílias que compraram as casas, mas que não são donas dos terrenos em que as habitações foram construídas. Há cerca de 20 anos, alguns militares norte-americanos venderam as casas aos seus atuais moradores, ainda que os terrenos não lhes pertencessem.

 

Foto: Direitos Reservados

+central

 

Link permanente para este artigo: http://maiscentral.com.pt/be-exige-intervencao-do-governo-regional-na-defesa-dos-moradores-do-bairro-de-santa-rita/

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.