António Ventura quer uso do Estatuto Político dos Açores nas negociações pós-Brexit

O deputado do PSD/Açores na Assembleia da República defende o uso do Estatuto Político-Administrativo da Região nas futuras negociações com o o Reino Unido, após a conclusão do Brexit.

Direitos Reservados

“(…) nós temos a nossa autonomia, que nos permite alguma liberdade para negociar. Temos um Estatuto Político-Administrativo que permite estabelecer relacionamentos diplomáticos e comerciais”, afirmou António Ventura durante a audição do Embaixador do Reino Unido em Portugal, na Comissão Parlamentar de Assuntos Europeus.

O deputado açoriano recordou a existência de “longos laços históricos” entre a Inglaterra e as Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira, que devido à sua posição geoestratégica “apresentam vantagens” nos setores da vigilância e do comércio, representando “uma vantagem nos futuros acordos internacionais”.

Tendo em conta estas situações, António Ventura quis saber quais eram as preocupações do Reino Unido relativamente ao futuro das ligações diplomáticas e comerciais com os Açores e com a Madeira no caso de uma saída da União Europeia sem acordo.

Sobre isto, o Embaixador reconheceu a importância geoestratégica das Regiões Autónomas portuguesas no contexto económico e diplomático, revelando que na passada semana visitou, pela primeira vez a Madeira, contando fazer o mesmo brevemente em relação aos Açores.

“Os Açores e a Madeira vão ter um papel muito importante neste contexto”, referiu Chris Sainty, realçando que existem grandes potencialidades das duas regiões nas futuras parcerias bilaterais.

O diplomata mostrou-se otimista em futuras colaborações nas áreas da ciência e da educação, revelando que estas são apenas algumas das iniciativas que pretendem desenvolver no futuro.

+central

Link permanente para este artigo: http://maiscentral.com.pt/antonio-ventura-quer-uso-do-estatuto-politico-dos-acores-nas-negociacoes-pos-brexit/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.