Açores são o centro das atenções em exposição fotográfica na Hungria

Na Casa da Cultura Hosszúhetény, uma vila nos arredores de Pécs, cidade europeia da cultura 2010, na Hungria, os Açores estão em destaque. Desde abril e até ao final de maio, duas dezenas de fotos dos Açores são o centro de atenção na exposição de fotografia de Gábor Takács.

Foi em 2016 que Gábor Takács, fotógrafo húngaro, participou no programa “Artistas em Ação” com a MiratecArts, no Azores Fringe Festival. O trabalho de pesquisa sobre a paisagem dos Açores, com destaque para a flora, a sua especialidade, conseguiu captar imagens das ilhas do Pico, das Flores e de São Miguel.

“Artistas em Ação” é um programa que faz parte do festival internacional de artes, Azores Fringe, dedicado a intervenções ao ar-livre, visitas a escolas, centros de crianças e de terceira idade, pesquisa e desenvolvimento de novos trabalhos artísticos. “A maioria desta programação acontece sem horário estipulado” admite Terry Costa, fundador do Azores Fringe e diretor artístico da MiratecArts. Os “artistas dedicam-se a desenvolver novos trabalhos que, no futuro, até podem servir como ferramentas de promoção da nossa região, tal como o caso desta exposição no estrangeiro.”

O trabalho de Gábor já foi destacado pelos maiores jornais da Hungria e sites dedicados a arte e fotografia. De grande importância, o percurso das 24 horas passadas pelo fotógrafo no topo do Pico, relatados em blogs e no portal mais popular da nação index.hu. Gabor já tinha sido premiado nos Açores com uma das suas fotos sendo cartaz do Montanha Pico Festival. “Uma imagem incrível do Piquinho, conseguida durante a noite, lá em cima na cratera” explica Terry Costa, “onde o fotógrafo passou mais de 24 horas seguidas a fotografar do topo da montanha mais alta de Portugal.”

A MiratecArts e o Azores Fringe Festival já acolheram mais de 850 artistas e, este ano, para a quinta edição do festival internacional de artes, está previsto a participação de mais de 300 artistas, 40 no programa “Artistas em Ação”, e que se apresentam desde 26 de maio a 30 de junho, nas 9 ilhas do arquipélago.

 

 

 

 

Foto: MiratecArts

MiratecArts/+central

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *